Não tem glúten e eu não sabia

Sempre tive a ideia que todos cereais e os seus derivados teriam glúten mas não. Nem todos têm. Quando se fala em intolerâncias ou alergias alimentares aumenta de forma exponencial a nossa curiosidade (ou sobrevivência) sobre o que posso ou não comer, ou seja alimentos que contem ou podem conter.

Este pode conter pode ser de várias origens, mas a principal é sempre por contaminações cruzadas ter sido preparado ou fabricado num equipamento onde anteriormente foi elaborado um alimento que contem alguma matéria prima com glúten.

Dentro desta listas estão:

Alguns alimentos que não contém glúten: milho, arroz, tapioca e derivados, ovos, legumes, hortaliças e leguminosas, tubérculos, leite, peixe e carne. Podem conter glúten em proporções reduzidas: farinhas de cereais como centeio, trigo, aveia e cevada, massas e esparguete, pão, bolos, pizza, salgados (lanches, rissóis, pasteis de massa folhada) e lasanha.

Alimentos que contem glúten: chocolates, café, conservas de carne ou peixe, queijos, patés, enchidos e produtos de charcutaria e alguns gelados e doces. Por outro lado, se é daquelas pessoas que adora um belo prato de massa à bolonhesa vai ter de mudar este hábito ou adaptar para massas sem os ingredientes acima ou então comer mais arroz e milho.

Aqui fica uma sugestão de massa de farinha de milho caseira:

Ingredientes:

  • 400g de farinha de milho e mais um pouco para polvilhar
  • 4 ovos
  • 2 colheres de chá de sal

Receita:

Misture farinha de milho e o sal num recipiente, abra um buraco no meio e adicione os ovos.

de seguida, bata tudo até ficar uma massa homogénea e consistente (sem agarrar às mãos). Masse bem a massa de forma a ficar mais mole.

Enrole a massa em papel filme e deixe descansar durante 30 minutos. No fim do descanso pode amassar de novo só para ficar um pouco mais leve.

Como não tenho cilindro (a máquina que estica e corta em fatias finas a massa) divido a massa de outra forma: primeiro polvilho a banca com farinha de milho, depois estico a massa bem fina com a ajuda de rolo da massa.

De seguida enrolo a massa, mas polvilhando sempre para não agarrar. Faço um enrolado e corto as tiras.

Depois solto as tiras da massa e coloco-as a secar com um pouco mais de farinha. É importante colocar a secar por exemplo na cozinha protegido do pó e também das moscas.

Um truque: Usar uma forma com papel vegetal enrolar a massa e polvilhar com um pouco farinha de milho.  Antes de colocar esta massa a cozinhar deixo secar mais um pouco e depois coloco num tacho com água quente.

Et voliá, uma sugestão de massa livre de glúten.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *